Mulheres que venceram o câncer viram heroínas em ensaio fotográfico

Views:

Fotógrafa Mayne Rabello fez ensaio com 16 mulheres para Outubro Rosa. 
Projeto 'Eu venci' fica em exposição em Mogi das Cruzes até sábado.




A fotógrafa Mayne Rabello encontrou um jeito alegre e inspirador para falar sobre o câncer de mama durante o Outubro Rosa. Em um ensaio fotográfico em parceria com o Projeto Laços de Amizade, ela transformou 16 mulheres que venceram o câncer em heróinas. Com uniformes coloridos e poses divertidas, elas contam como venceram a doença. As capas - que tradicionalmente completam o uniforme dos heróis - neste caso, são os lenços usados pelas pacientes durante as sessões de quimioterapia.



A ideia surgiu quase que naturalmente, segundo a fotógrafa Mayne Rabello. "Eu já havia fotografado algumas pacientes em eventos no setor oncológico do hospital Luzia de Pinho Melo e depois no Parque Centenário [em Mogi das Cruzes]. Desta vez, quando a Francesca Valenti me chamou, eu sabia que não queria fazer algo muito clichê ou pesado. Meu trabalho sempre foi muito colorido, tenho muito figurino, então pensei nessa possibilidade de fazer uma coisa bem alegre e que fosse divertido pra elas de fazer.  Na hora que elas colocaram as roupas foi bem engraçado. Algumas mulheres não usavam salto, quando se caracterizaram até as feições mudaram", detalhou.
Com roupas coloridas, salto alto e capa, as mulheres que venceram o câncer ainda ganharam na foto uma espécie de "classificação de força".
Silvana Zugaib, que está em tratamento contra um câncer de mama, revela seus segredos: a tática contra a doença é persistência e sua habilidade é "falar com as pessoas, palestrar". " A sensação é de estar no comando da doença, onde a heroina vai aumentando a força que temos que renovar diariamente", disse.
Os ensaios foram feitos em parceria com o projeto Laços de Amizade, criado pela paciente oncológica Francesca Valenti. O projeto distribui lenços, maquiagens e outros produtos que ajudam na beleza e auto-estima das mulheres vítimas do câncer. "Nós já fizemos algumas ações em que a Mayne participou e quando pedi ajuda pra ela para fazer algo este ano, surgiu esse projeto lindo. Eu retirei duas mamas e as cicatrizes são mesmo marcas de um guerreiro. Achei a ideia muito legal e bem diferente de tudo o que já fizemos sobre o tema", disse Francesca.

Em apenas duas sessões, separadas em dois dias, o grupo foi fotografado no estúdio em Mogi. A exposição já percorreu a abertura da campanha Outubro Rosa, em Mogi das Cruzes, além do saguão do hospital Luzia de Pinho Melo e do shopping de Mogi, onde permanece até sábado (22). "Para mim foi um aprendizado muito grande. Fiquei emocionada de ver todas elas se divertindo durante o ensaio, depois de ter passado por um período bem difícil na quimioterapia. Foi uma experiência engrandecedora e espero que no ano que vem tenhamos mais heroínas", disse Mayne.

Fonte:G1
Share on Google Plus

About Redação Portal

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comentários:

Postar um comentário